Kia conquista quota de mercado recorde em ano de retração geral do mercado

Notícias

Kia conquista quota de mercado recorde em ano de retração geral do mercado

Kia conquista quota de mercado recorde em ano de retração geral do mercado

25 Janeiro 2021

A Kia conquistou a quota de mercado mais alta de sempre na Europa em 2020, num ano que fica marcada por um dos maiores crescimentos homólogos da sua história. De acordo com novos dados revelados pela Associação Europeia de Construtores de Automóveis (ACEA), a quota de mercado da Kia passou dos 3,2% para os 3,5% durante o ano passado.


As vendas totais anuais da Kia na Europa* diminuíram 17%, para as 416 715 unidades, devido aos efeitos da pandemia de coronavírus. A marca foi menos impactada do que o conjunto do mercado europeu, que registou uma contração de 24,3% em relação ao período homólogo do ano anterior. A quota de mercado da Kia aumentou, assim, para os 3,5%, o valor mais alto de sempre.

Os resultados de vendas mais recentes sublinham a importância crescente da gama de modelos eletrificados da Kia num mercado europeu pautado pela mudança. Os grupos motopropulsores híbridos e elétricos continuam a representar uma área de crescimento muito importante para a marca, com as viaturas eletrificadas a serem responsáveis por 25,5% do total das suas vendas na Europa em 2020, ou seja, mais de um em cada quatro automóveis comercializados.


Won-Jeong (Jason) Jeong, Presidente da Kia Europa, refere: “2020 foi um dos anos mais difíceis a que alguma assistimos, tanto na Kia como na indústria automóvel de um modo geral. Com os efeitos da pandemia a provocarem uma súbita paragem das vendas logo no primeiro trimestre, os nossos mercados na Europa responderam com um conjunto de medidas destinadas a ajudar os clientes e para assegurar a entrega e a reparação de uma forma segura. Já no terceiro trimestre, assistimos ao nosso melhor desempenho de vendas de sempre, graças a uma conjugação da recuperação de procura e a crescente popularidade dos nossos modelos eletrificados”.


“Ao longo dos meses de pandemia, conseguimos continuar a lançar modelos renovados ou novos, ao mesmo tempo que prosseguimos com o processo de eletrificação da nossa gama, no sentido de irmos ao encontro da crescente procura de grupos motopropulsores avançados”, acrescenta.


“A Kia que emerge em 2021 é uma empresa muito diferente. A nossa nova marca, logótipo e o slogan ‘Movement that inspires’ vão influenciar os nossos planos ao longo dos próximos anos. Começaremos pelo lançamento de um novo EV, que tem como base a nossa plataforma E-GMP, já este ano. Este modelo permitirá carregamentos rápidos, uma aceleração fluída e grande autonomia em modo exclusivamente elétrico. Estamos também a trabalhar no sentido de introduzirmos um conjunto de novos serviços de mobilidade sustentável para os nossos clientes, no âmbito da nossa transição de empresa fabricante de automóveis para empresa fornecedora de serviços de mobilidade”.

 

60% de crescimento nas vendas de modelos eletrificados em relação ao mesmo período do ano anterior


O aumento do interesse do público por motorizações eletrificadas avançadas veio reforçar o sucesso da Kia durante o ano de 2020. As vendas totais dos veículos híbridos, híbridos plug-in e 100% elétricos da marca subiram das 66 386 para as 106 466 unidades, representando um crescimento de 60,4% (modelos semi-híbridos não incluídos). No ano passado, a Kia ultrapassou pela primeira vez a fasquia dos 100 000 veículos eletrificados, o que significa que uma em cada quatro unidades da marca vendidas na Europa era total ou parcialmente movida a energia elétrica.

Niro, que inclui versões híbridas, híbridas plug-in e 100% elétricas, manteve-se como o campeão de vendas da Kia nos eletrificados. Este modelo passou a ocupar o segundo posto da tabela de vendas da gama da marca, com 77 498 unidades comercializadas (um acréscimo de 34,7% em relação a 2019).

e-Soul 100% elétrico continuou também a sua trajetória ascendente, com vendas totais de 7999 unidades, representando um aumento de 147,5% em relação a igual período do ano anterior. Com um total de 14 511 unidades comercializadas no ano passado, as estreantes versões híbridas plug-in da Ceed Sportswagon e do XCeed contribuíram fortemente para o aumento das vendas de eletrificados da marca.

 

 

Família Ceed: a campeã de vendas da Kia na Europa


Apesar dos efeitos da pandemia, o ano de 2020 fica marcado pelo aumento de 4,1% das vendas da família Ceed, que se traduziu em 114 759 viaturas comercializadas (face às 110 201 de 2019). O crossover compacto XCeed foi colocado à venda no final de 2019 e assume-se já como o modelo mais popular da gama, com 43 880 vendas em 2020. As versões hatchback de 5 portas e Sportswagon do Ceed foram responsáveis por 25 809 e 30 116 unidades, respetivamente, enquanto a shooting brake ProCeed chegou às 14 954 unidades.

O sempre popular SUV Sportage manteve a posição de terceiro melhor classificado nas vendas da marca na Europa, com 70 344 unidades. Do grupo dos cinco modelos da Kia com mais vendas na Europa fazem ainda parte o SUV do segmento B Stonic e o citadino Picanto, respetivamente com 51 322 e 48 213 unidades comercializadas.

 

Em Portugal: eletrificados progridem em ano dominado pelo Stonic**


No nosso país, a Kia acompanhou a tendência internacional, com as versões eletrificadas a representarem já cerca de um quarto do total das vendas da marca.

XCeed PHEV é já o terceiro eletrificado da Kia (com 60 unidades vendidas em 2 meses), atrás da gama Niro, que lidera nas duas primeiras posições com, respetivamente, o HEV, PHEV e EV. O Niro, de resto, mantem a sua boa performance: na versão HEV, ocupa o Top 5 das vendas de híbridos em Portugal, contribuindo decisivamente para que a Kia tenha fechado 2020 com uma quota de 3,4% do mercado nacional de híbridos. A gama de EV da Kia em Portugal (e-Niro e e-Soul) já representa perto de 20% do total de vendas de eletrificados da marca.

Fora do universo eletrificado, o mercado Kia em Portugal foi dominado pelo Stonic, o best-seller da marca no nosso país, com 789 unidades vendidas. O SUV compacto da marca resistiu melhor ao enquadramento adverso do mercado, para o que contribuiu o lançamento da nova versão “by Fila”. O lançamento da aguardada versão GT Line está reservado para o final de janeiro de 2021.

 

Uma nova marca anuncia a transformação da Kia em 2021

A Kia revelou recentemente um novo logótipo e um novo slogan global, que representam a sua ambição de ocupar um lugar de liderança na indústria da mobilidade do futuro, transformando todas as facetas do seu negócio.

A marca vai lançar sete modelos elétricos a bateria (BEV) até 2027, em diversos segmentos. Construídos com base na nova Plataforma Modular Global Elétrica (E-GMP), estes modelos estarão equipados com tecnologia líder, que lhes garantirá uma notável autonomia de condução e carregamentos ultra-rápidos. O primeiro BEV com plataforma específica de última geração da Kia será apresentado no primeiro trimestre de 2021, dando corpo à mudança da Kia para a eletrificação. Recorrendo à nova tecnologia E-GMP, este modelo apresentará um design inspirado nos crossovers, oferecerá uma autonomia de 500 km e um tempo de carregamento de alta velocidade inferior a 20 minutos. Será também o primeiro modelo destinado ao mercado global a apresentar o novo logótipo Kia.


Fonte: KIA

voltar à listagem